A dica musica de hoje é uma dúvida que surgiu lá no nosso instagram @geracaom com quantas linhas surgiu o pentagrama, então hoje vamos conhecer um pouco mais sobre a história da notação musical.

Primeiro temos que entender como surgiu a notação musical. Ela surgiu pela necessidade de registrar as músicas que estavam sendo tocadas, na idade média utilizava-se os neumas e com o tempo foram aperfeiçoando cada vez mais e deixando o registro mais preciso e fiel a música tocada.

Após as figuras, surgiu a primeira linha do que mais para frente viraria o pentagrama, com essa linha eles conseguiam se basear melhor para entender se a melodia da música subia para o agudo ou descia para o grave e aos poucos as outras linhas foram entrando até chegar nas 5 linhas e 4 espaços que temos hoje, mais conhecido como pauta ou petagrama.

Veja abaixo uma partitura de quanto ainda tínhamos um tétragrama.

Então será que mais para frente acrescentaremos mais linhas? Provavelmente não, hoje utilizamos as linhas suplementares caso precise de mais notas fora as do pentagrama, as claves também existem para que nos ajude a escrever em diversas regiões e tessituras.

Respondendo então a primeira pergunta, o pentagrama surgiu com apenas uma linha.

Espero que tenham gostado e tenha ajudado a entender melhor da onde veio a notação musical que conhecemos hoje.

Katherine Ebesui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *